sábado, 13 de dezembro de 2008

"Sonnenallee", Alameda do Sol


Berlin do Leste, anos 70. Juventude sonha com o amor e com rebeliao contra o regime. Na fronteira entre Leste e Oeste eles sao constantemente confrontados com a repressao das forcas policiais para poderem vivenciar um pouco dos ideais de liberdade, cantados pela contracultura e pela filosofía pregada por Sartre. Assim, "Condenados à liberdade", eles arriscam a vida no muro para comprar, a precos aviltantes, LPs e revistas dos moambeiros. No cerne desses jovens a profunda revolta contra o desdem e a cacoagem dos que vivem do outro lado do muro e contra as mentiras, que procuram lhes incutir, a favor dos ideais soviéticos. Um telefone é privilégio de membros do partido, da polícia secreta ou de pessoas com doencas graves. Uma calca jeans vinda num pacote da tia de Stuttgart, provoca verdadeiro deslumbramento. Como estratégia para compensar tantas faltas eles decidem cantar, dancar, amar e acreditar na queda do muro, partindo do princípio de libertar os outros, libertando-se a si mesmo.


video

Nenhum comentário: